NOTÍCIAS PARA OS CINCO CONTINENTES

VOLNEI LAUERMANN FALCKAMBACH

Volnei Lauermann Falckembach era coordenador geral dos laboratório da ULBRA, quando João Lippert trabalhava como pesquisador universitário nas áreas humana e veterinária na universidade.

Certa vez, Volnei solicitou que João Lippert com seu o veículo particular, uma camionete S10 cabine dupla, buscasse uma certa quantidade de soro fisiológico na BASA em Caixas do Sul. João Lippert transportou o soro fisiológico da BASA de Caxias do Sul até o campus da ULBRA em Canoas, a pedido de Volney e com o consentimento do diretor da BASA. Entretanto, Volnei pegou o soro e levou do campus da ULBRA. Por achar tudo muito estranho e preocupado que pudessem responsabilizar João Lippert pelo desaparecimento do soro, João Lippert levou o caso ao conhecimento do reitor e vice-reitor da ULBRA, Ruben Eugen Becker e Leandro Eugênio Becker, que localizaram o soro no apartamento de Volney, mas ficou por isso mesmo. Como se nada tivesse acontecido. Hoje, João Lippert suspeita que já naquele caso podia ter sido uma tentativa de prejudica-lo.

João Lippert também levou diversas vezes ao conhecimento de Volnei o caso do vazamento de formol de um taque de cadáveres humanos na ULBRA. Fato que foi relatado a João Lippert por alunos da universidade. Apesar da gravidade do caso, nem Volnei, nem os reitores da ULBRA fizeram nada a respeito.

VOLNEI LAUERMANN FALCKEMBACH, ESPOSA OU COMPANHEIRA E FILHOS DEVERÃO
PRESTAR ESCLARECIMENTOS À JUSTIÇA!